Planos odontológicos ganharam 169 mil clientes em janeiro

As operadoras de planos de saúde perderam 192.200 clientes em janeiro, segundo balanço divulgado nesta quinta-feira pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). O setor encerrou o mês com 47,5 milhões de beneficiários de planos médico-hospitalares.

Por outro lado, houve um aumento de 169 mil clientes na base de clientes de planos odontológicos. Esse segmento fechou janeiro com 22,2 milhões de usuários. A queda no número de clientes dos planos de médico-hospitalares pode ser explicada pelo aumento do desemprego, já que muitos dos ex-beneficiários usavam planos oferecidos pelas empresas para as quais trabalhavam.

A taxa de desemprego no país subiu para 12% no trimestre encerrado em dezembro de 2016. Foi o patamar mais alto de desocupação verificado pela pesquisa do IBGE, iniciada em 2012.

A redução do número de pessoas empregadas afeta o poder de compra das famílias, fazendo com que muitas precisem parar de pagar o convênio médico.

(veja.com, 16.02.17)

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Quem está online

Temos 65 visitantes online